Dicas de como aumentar as suas vendas na internet

O seu objetivo ao montar uma loja virtual é um só: vender. Todo o cuidado que você teve ao escolher sua plataforma de e-commerce, seu portfolio de produtos, layout e formas de divulgação servem – em última instância – para fazer com que o máximo de pessoas compre os seus produtos.

Por isso, mesmo quando o negócio já funciona a todo vapor e rendendo bons lucros, há uma pergunta que não sai da cabeça de todo empreendedor: “Como posso aumentar minhas vendas?” Claro que não existe uma resposta pronta e universal para isso, mas não se preocupe. Separamos algumas dicas para você começar hoje mesmo a afiar as estratégias da sua empresa e vender mais. Confira!

Acompanhe métricas com atenção

O primeiro passo para aumentar as suas vendas é conhecer quais são os pontos fortes e fracos da sua loja online. Sair fazendo modificações no seu site ou plano de negócios a esmo, baseado apenas em intuição, é arriscado e gera resultados inconsistentes.

Determine indicadores do seu desempenho para acompanhar de perto e use estes números como base para tomar suas decisões. Eles são a melhor forma de encontrar os problemas no seu e-commerce e ainda apontar quais são as soluções para eles.

Por exemplo, se a sua taxa de conversão está baixa, um investimento em publicidade não gerará muito retorno. Você aumenta o número de usuários mas a maior parte deles continuará não fechando a compra.

Algumas das métricas mais importantes para o e-commerce são average revenue per user (renda média por usuário), custo de aquisição de cliente, lifetime value (valor de tempo de vida), ticket médio e taxa de conversão. Mantenha sempre um olho nelas!

Invista em uma boa apresentação

O mesmo princípio se aplica às lojas físicas e virtuais: a primeira impressão é a que fica! O primeiro contato do seu cliente com a sua loja gera uma opinião que é muito difícil de se reverter depois.

Ao entrar no seu site, o usuário deve ser recebido por uma interface organizada e bonita. Ele deve se locomover com facilidade entre as diferentes seções e encontrar os produtos que lhe interessam sem dificuldade. Mensagens de erro, imagens de baixa qualidade e layout mal-planejado podem arruinar completamente esta experiência, passando a impressão de desleixo e falta de profissionalismo. Com a possibilidade de encontrar uma loja melhor a um clique de distância, é exatamente isto que o usuário faz. Busca seu concorrente.

Utilize sempre imagens em boa resolução para os seus produtos. Invista em um template profissional, harmonioso e fácil de navegar. Contrate um profissional, se achar necessário. Mas não poupe esforços em criar um ambiente virtual que comunique a organização, profissionalismo e seriedade do seu trabalho.

Não deixe o cliente sem resposta

Um dos maiores problemas que uma empresa pode ter são os usuários insatisfeitos. O consumidor que faz uma compra, paga um bom preço e recebe o produto dentro do prazo muitas vezes irá apenas seguir com sua vida, sem comentar isso com ninguém. Já aquele que teve qualquer tipo de problema certamente reclamará com os amigos e familiares. Provavelmente até fará posts nas redes sociais contando dos problemas que teve.

Sempre que receber uma reclamação atenda com o máximo de diligência. Ouça com atenção qual foi o problema e faça o que estiver ao seu alcance para resolvê-lo, mesmo que ele não tenha sido causado por você.

Um problema com um prazo de entrega, por exemplo, pode ser culpa da transportadora. Não simplesmente diga isso para o cliente e dê o problema como resolvido. Faça o contato, se informe do prazo com a transportadora e leve ao cliente a solução para o incômodo que ele está tendo.

Esta é uma excelente estratégia para transformar alguém que podia danificar a sua imagem em um grande aliado do seu negócio!

Reconsidere os seus produtos

Se a sua loja está bem organizada, recebe muitos visitantes, tem boa reputação e continua não vendendo talvez o problema não esteja na loja, mas na mercadoria ofertada. Não estamos falando apenas da qualidade dos seus produtos. Um item que era sucesso há algum tempo pode ter simplesmente saído de moda ou sido substituído por um modelo mais atual.

É importante acompanhar estas mudanças do mercado e certificar-se que o seu portfólio de produtos está refletindo isto. Isto acontece com frequências diferentes nos vários setores, então não há uma regra fixa da frequência com que você deve fazer esta análise.

Para os setores de moda e calçados por exemplo, ela deve ser constante. Já para quem lida com indústria pesada, revisões podem ser semestrais ou mesmo anuais. Estude o seu mercado e estipule uma revisão periódica da relevância dos produtos que você oferece!

Que tal, agora que você já conhece estas dicas, começar agora mesmo uma revisão do seu negócio para incrementar suas vendas? Colocou estas dicas em prática, tem outras idéias? Conte para a gente, nos comentários!

 


Comentários

Comentários

Equipe iSET

Somos os maiores especialistas em e-commerce no Brasil! Quer começar sua loja virtual? Fale conosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *