3 métricas de e-commerce que você deve acompanhar!

Para garantir o sucesso de uma loja virtual, é preciso mais do que promovê-la nas redes sociais ou conquistar as melhores posições nas buscas orgânicas. É necessário acompanhar de perto as métricas de e-commerce capazes de demonstrar a saúde do negócio, deixando claro o que está dando certo e o que precisa ser corrigido para garantir melhores resultados.

Para ajudá-lo a gerenciar sua loja virtual, reunimos neste artigo algumas das principais métricas de e-commerce que você precisa acompanhar no dia a dia. Confira!

Custo de Aquisição por Cliente (CAC)

O Custo de Aquisição por Cliente é uma métrica importante não apenas para as lojas virtuais, mas para qualquer negócio. Ele demonstra em valores o quanto sua empresa precisa investir para gerar um novo cliente. Com esta informação, você será capaz de definir melhor os preços dos produtos e até mesmo identificar a necessidade de ajustes na estratégia de promoção.

Calcular o CAC de seu e-commerce é bem simples: basta somar todos os investimentos realizados por sua loja virtual em marketing e vendas, incluindo as ações de anúncios pagos, divulgação nas redes sociais e ações de panfletagem, e depois dividir esse valor pelo número de clientes únicos gerados naquele período.

O resultado demonstra o quanto é preciso gastar para conquistar um novo cliente, dado que pode ajudar a calcular qual o ticket médio ideal para sua empresa se manter saudável. Se o CAC de seu e-commerce estiver muito alto, é sinal de que sua estratégia precisa ser revista para otimizar os lucros.

Taxa de conversão

Para que sua loja virtual tenha sucesso, é preciso construir páginas de produto eficientes, capazes de chamar a atenção dos visitantes e gerar novas vendas. E a taxa de conversão é uma métrica criada exatamente para medir a eficiência de suas páginas, indicando a percentagem de visitas que se converteram em vendas.

O cálculo da taxa de conversão também é simples: Some todas as vendas realizadas por aquela página específica, multiplique por 100 e depois divida pelo número de visitas que aquela página recebeu. O resultado representa o percentual de visitas que se converteram em vendas.

Uma taxa de conversão muito baixa indica que algo está errado e que é preciso realizar alguns ajustes em sua página. Os testes A/B são uma excelente ferramenta para identificar o que pode estar prejudicando sua conversão, ajudando a otimizar suas páginas de produto. 

Origem de tráfego

Tão importante quanto atrair um grande número de visitantes para sua loja virtual é acompanhar a origem de cada uma dessas visitas. Isso ajudará você a identificar quais meios de promoção de sua loja virtual são mais eficientes e quais precisam ser aprimorados para gerar resultados ainda mais satisfatórios.

Ao acompanhar as origens de tráfego de sua loja virtual, o ideal é separar as visitas geradas por buscas orgânicas, redes sociais, e-mail marketing e links pagos. Com isso, você saberá em primeira mão se será preciso investir em SEO, alterar sua estratégia de promoção nas redes sociais ou mesmo adaptar a estratégia de links pagos. É possível identificar também qual das origens de tráfego gera mais vendas para sua empresa e, por isso, precisa receber mais atenção.

E você, já utiliza alguma dessas métricas de e-commerce para acompanhar o sucesso de sua loja virtual? Faltou alguma métrica que você acha importante? Compartilhe com a gente nos comentários!


Comentários

Comentários

Equipe iSET

Somos os maiores especialistas em e-commerce no Brasil! Quer começar sua loja virtual? Fale conosco.

Um comentário em “3 métricas de e-commerce que você deve acompanhar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *