Como obter sucesso vendendo roupas online?

O BLOG MAIS COMPLETO SOBRE E-COMMERCE DO BRASIL

Como obter sucesso vendendo roupas online?

 

O mercado da moda é super dinâmico. Diariamente, são lançadas tendências e chegam às prateleiras novos produtos. Ao caminhar pelas ruas e shoppings, somos bombardeados por ofertas tentadoras e surpreendidos por vitrines convidativas.

 

Nesse ramo, as lojas estão por toda parte e sempre escolhemos as que possuem um diferencial, seja nas peças que oferecem, no atendimento ou no preço.

 

No e-commerce também é assim. A quantidade de lojas virtuais de moda só aumenta, as ofertas são tentadoras e quem busca sucesso vendendo roupas online tem que se destacar de alguma forma. Esse é o momento ideal para você refletir e encontrar mecanismos que exaltem ainda mais o seu comércio eletrônico perante os concorrentes.

 

Você possui ou pretende abrir um negócio de roupas na internet? Então, confira as dicas que preparamos para que a sua empreitada seja bem-sucedida.

Acompanhe as tendências

A sazonalidade influencia bastante no comportamento do consumidor e, de certa forma, manda no segmento de moda. Quem deseja obter sucesso nesse ramo, especialmente no mercado online, precisa estar antenado às tendências atuais e também às que estão por vir.

 

O empreendedor virtual deve acompanhar os editoriais de moda, participar de eventos e verificar todos os detalhes dos produtos, como qualidade do tecido, modelo e acabamento, antes de fechar contrato com o parceiro comercial e iniciar os pedidos.

 

É importante não se deixar seduzir apenas pelo preço atrativo do atacado, já que a qualidade das peças muda muito a cada marca. O ideal é considerar o conjunto, incluindo fatores como o nosso clima tropical e, mesmo no inverno, a escolha de roupas que sejam adequadas à realidade do público a ser atendido. Caso contrário, você terá um estoque cheio e pode não obter o retorno que deseja.

 

Sempre leve em consideração a estação, mas também fique de olho nas datas comemorativas. No Carnaval, regatinhas e shorts fazem sucesso; no Natal, não há quem abra mão do brilho; e no Ano Novo, os tons claros costumam ser a bola da vez.

Diversifique o estoque

Diversificar sem perder o foco. Eis uma dica que todo negócio, virtual ou não, deveria seguir. Não adianta vender de tudo um pouco, a menos que se trate de um e-commerce de grande porte, como os magazines e lojas de departamento.

 

Já que a sua loja é de roupas, foque nesse segmento! Há como diversificar os produtos sem que o seu empreendimento pareça uma loja sem foco.

 

Deseja oferecer mais variedade aos clientes? Aposte na diversidade de modelos, cores e tamanhos. Ofereça ao seu cliente muitas opções de vestidos, shorts, calças, camisas e bermudas, pois, um leque variado de produtos aumenta a taxa de conversão da loja e também o valor individual de cada pedido.

 

Outra dica fundamental é controlar o estoque, para que o cliente tenha acesso aos itens que realmente estão disponíveis no momento. Essa medida também permite que o empreendedor tenha uma visão ampla do negócio, ao fornecer uma noção mais precisa dos lucros, além de indicar quando o e-commerce demanda um reabastecimento de peças.

Ofereça diferenciais no atendimento

Além de dispor de um atendimento ágil e solícito, as lojas virtuais de roupas devem apresentar algo a mais, já que a concorrência nesse segmento é enorme.

 

Se você quer aumentar as vendas e fidelizar os clientes, é indispensável investir no Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) multicanal — e-mail, redes sociais, telefone. Entretanto, mesmo sendo uma medida eficaz, ela não é suficiente. É necessário inovar e ir além!

 

Muitas empresas virtuais já proporcionam consultoria de moda, planos de fidelidade, descontos progressivos, convênios com outras lojas, brindes e muito mais. Você deve analisar as alternativas que melhor se encaixam no perfil e no orçamento do negócio. Contudo, esteja certo de que oferecer mais do mesmo não funciona na internet.

Invista no poder das mídias sociais

As redes sociais podem ser grandes aliadas na divulgação da sua loja, sobretudo se elas forem, de fato, um canal de comunicação e interação com os clientes. O ideal é que o espaço que elas oferecem não seja usado, exclusivamente, para a publicidade direta.

 

Dicas de moda, fotos das clientes com as roupas da loja e pesquisas de opinião também são mais que bem-vindas. Conteúdos variados e de qualidade, postados com frequência, tornam as redes sociais mais atrativas e com maior índice de engajamento.

 

Aposte na utilização de diferentes formatos. Não se prenda, unicamente, às fotos e textos. Experimente inserir gifs, vídeos, enquetes e outras maneiras de dialogar com as pessoas para fazer com que elas interajam com a sua loja online.

 

Estimule o contato! Em vez de fazer posts com mensagens diretas, experimente instigar as pessoas. Pergunte se elas gostaram do que foi produzido, o que mudariam e quais são as ideias delas.

 

Você também pode aumentar o engajamento do seu público por meio de posts patrocinados. Em redes como o Facebook, por exemplo, é possível segmentar o público que vai receber os anúncios pagos. Determine as principais características — como gênero, idade e localização —, para conseguir falar com os potenciais clientes do seu negócio.

 

O atendimento ao seu público também deve ser feito por meio das redes sociais. Use esses espaços para lidar com reclamações, coletar sugestões e responder aos elogios. Faça a marca conversar com as pessoas, pois isso é o que elas esperam.

 

Além disso, as redes sociais possibilitam monitorar o que o público fala sobre a sua loja virtual — que pode ser feito tanto por meio de citações quanto por palavras-chave. Esse tipo de informação subsidia a criação de novas estratégias para obter sucesso vendendo roupas online.

Capriche na “vitrine”

Assim como em uma loja física, a aparência do seu negócio é extremamente importante. Portanto, você deve investir na criação de um layout que, além de bonito, dialogue com o conceito e a proposta da loja.

 

Converse com os seus parceiros comerciais — fabricantes e distribuidores — e verifique se eles já têm imagens bem produzidas dos produtos. Se tiverem, ótimo! Utilize as melhores na sua loja virtual.

 

Caso necessário, contrate um estúdio fotográfico e faça fotos exclusivas das roupas. Nesse mesmo estúdio, será possível contratar modelos para vestir as peças.

 

Não se esqueça de que as imagens dos produtos devem ser em alta resolução, para que os clientes consigam ver todos os detalhes das peças com clareza. Para complementá-las, capriche nas descrições dos produtos. Aproveite para descrever todas as características e, quando for possível, indicar formas de usar e combinar as peças.

 

O cuidado com esses itens certamente será responsável por causar uma ótima primeira impressão nos potenciais consumidores.

Aposte nas ofertas personalizadas

Se há uma coisa que pode transformar a sua loja de roupas em um sucesso na rede é fazer com que o cliente se sinta único. Para isso, é preciso conhecer o público-alvo, entender os seus anseios e necessidades.

 

Quando você conhece bem o seu público, consegue direcionar as melhores ofertas para cada pessoa, aumentando as chances de obter sucesso vendendo roupas online. Estude a sua base de clientes para criar campanhas personalizadas por e-mail marketing. Que tal oferecer promoções exclusivas e até cupons de desconto para os aniversariantes?

 

Lembre-se de investir bastante nas sazonalidades, pois, geralmente, elas representam os momentos mais aquecidos do comércio. Capriche na oferta, já que tudo é válido para fazer o cliente se sentir especial.

Estabeleça políticas de frete e de troca

Tenha as políticas de frete e de troca bem definidas, a fim de evitar qualquer mal-entendido ou insatisfação por parte dos clientes. Conceder frete grátis torna as suas ofertas mais atraentes e pode contribuir com o aumento das vendas. Contudo, se a sua loja não tiver condições de arcar com essa despesa, feche novas parcerias logísticas para disponibilizar mais opções de entrega para o cliente.

 

Cogite cobrir, ao menos, 50% do transporte ou cobrar um frete fixo via PAC. Outro ponto relevante é cumprir os prazos de entrega previamente combinados. Caso ocorra algum imprevisto, sempre mantenha o cliente informado e demonstre que você preocupa-se com ele.

 

Se a encomenda chegar dentro do prazo, mas não ficar do jeito que o cliente imaginou, seja flexível! Ele não provou a peça antes, merece e tem o direito de trocá-la se desejar.

 

O bom atendimento durante a troca é tão importante quanto durante a venda. Portanto, dê um prazo limite para o consumidor experimentar o produto, estabeleça regras e opte por transportadoras que ofereçam logística reversa sem custo para o cliente.

Diversifique os meios de pagamento

Quando compramos um produto ou contratamos um serviço, esperamos da empresa que ela ofereça uma boa variedade de meios de pagamento, de modo que possamos escolher a forma que melhor se adapta ao nosso bolso. O mesmo vale para o cliente da sua loja online de roupas.

 

Por que limitar a maneira de pagar pelas compras? Proporcione mais possibilidades para que o cliente se sinta à vontade e faça as compras com calma, segurança e sem frustrações. Além do débito, deixe que ele pague com cartão de crédito — de diferentes bandeiras —, boleto bancário e, dependendo do seu gateway de pagamento, insira a opção de transferência eletrônica.

 

Agora que você já sabe como obter sucesso vendendo roupas online, só nos resta desejar que o seu e-commerce chegue muito, mas muito longe no mercado de moda. Bom trabalho e boa sorte!

 

Para que você continue enriquecendo o seu conhecimento sobre o comércio eletrônico, baixe o nosso e-book com os 10 passos para faturar o primeiro milhão na sua loja virtual!


Comentários

Comentários

 

5 comentários

  1. Adorei seu artigo, tenho uma loja virtual e seu artigo vai me ajudar muito. Obrigada. Parabéns

  2. Carla Dias disse:

    Olá! Adorei as suas dicas! Continuarei te seguindo!

  3. Laura disse:

    Gostei das dicas. Muito obrigada e sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *