Dicas para segmentar a sua lista de emails

O e-mail tornou-se um meio de contato essencial para todas as empresas. Por meio dessa ferramenta você alcança um grande número de pessoas, e muitas vezes uma simples mensagem, quando mandada para o público certo, pode influenciar diretamente alguém a se tornar um cliente da sua loja.

Pensando em ajudá-lo a definir os públicos-alvo para os seus emails matadores e aumentar suas taxas de conversão, nós reunimos ótimas dicas com algumas das segmentações mais utilizadas nesse processo. Vamos a elas!

Segmentação conforme o comportamento de compra

Este tipo de segmentação leva em consideração os estágios em que as pessoas se encontram no processo de compra. Em relação aos grupos de clientes você pode dividi-los em:

  • Fiéis: realizam compras com certa periodicidade. Procure oferecer vantagens exclusivas para quem está sempre com a sua empresa;

  • Novos clientes: aqueles que realizaram sua primeira compra recentemente. Dê as boas vindas, faça com que ele se sinta valorizado e motivado para continuar comprando na sua loja;

  • Potencialmente inativos: usuários que já realizaram compras, mas já há algum tempo não adquirem produtos. Ofereça descontos e oportunidades que os traga de volta;

  • Clientes potenciais: possuem cadastro, mas ainda não efetivaram uma compra. Estes usuários podem estar em dúvida quanto a efetivar a compra, à espera de uma ocasião oportuna. Crie esta ocasião;

  • Inativos: usuários que além de não realizarem compras não abrem os e-mails. Procure saber se eles ainda possuem interesse em receber os materiais de divulgação para evitar que a empresa invista tempo e dinheiro em um usuário que já não é mais atrativo para o seu negócio.

A partir dessa divisão podemos observar que cada perfil de público tem a necessidade de uma determinada estratégia de comunicação. Esse planejamento deve ser traçada de modo a direcionar os clientes ao grupo mais atrativo para a empresa – os fiéis.

Segmentação conforme as categorias de produtos

Por meio da análise dos cliques de assinantes nos anúncios enviados, você pode categorizar este usuário em um determinado segmento de interesse de produto. Assim, você personaliza os anúncios a serem enviados para este cliente, ampliando ao longo do tempo a lista de ofertas com produtos complementares.

Para as empresas que ainda não possuem um banco de dados com os relatórios de cliques dos usuários, sugere-se que utilizem questionários no momento do cadastro para colher informações com as preferências dos clientes. No entanto, este questionário deve ser simples para não dificultar o término do cadastro.

Segmentação conforme a localização geográfica

Os critérios geográficos também não podem ser deixados de lado quando se fala em segmentação. Isso vale principalmente para lojas virtuais que trabalham com serviço de entregas globais. Os emails devem informar aos cliente as facilidades de frete para sua região e divulgar as promoções das lojas físicas, caso a empresa também possua.

A segmentação de disparo de emails demanda muito trabalho, mas traz vários benefícios tanto para a marca quanto para os clientes. A empresa, além de aumentar suas chances de conversão em vendas, ainda demonstra atenção ao público, trabalhando positivamente a construção de sua imagem. Tenha um bom serviço de envio de email marketing, não esqueça de disponibilizar em todos os emails  a opção opt-out – recurso que possibilita ao usuário retirar seu endereço da lista –, trace suas estratégias e comece a trabalhar na melhor opção de segmentação para o seu negócio.

E aí, gostou das nossas dicas? Então continue acompanhar o blog da BPG e fique por dentro de todas as novidades em ecommerce!


Comentários

Comentários

Equipe iSET

Somos os maiores especialistas em e-commerce no Brasil! Quer começar sua loja virtual? Fale conosco.

Um comentário em “Dicas para segmentar a sua lista de emails

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *