Dicas para vender online: Infoprodutos

Qual é a primeira coisa que você faz quando precisa de uma informação? Certamente você vai até seu computador, abre o navegador e faz uma busca na internet. A informação, de toda e qualquer área do conhecimento tem sido tão buscada na rede mundial que já se tornou um produto: o infoproduto.

Esse tipo de produto é muito valioso, pois é também uma oportunidade bacana para quem quer começar seu negócio online. Já pensou em ganhar dinheiro dividindo o seu conhecimento com inúmeras pessoas? As vantagens de ter um infonegócio são muitas. O custo de produção é baixo em comparação à maioria dos segmentos, não há risco de vencimentos ou perdas na produção e você não precisa se preocupar com espaço para o estoque ou cobrança de frete.

Porém, mesmo com tantas facilidades, é preciso ficar atento a algumas questões. Afinal, por se tratar de uma “mercadoria” 100% digital, a dinâmica da venda de infoprodutos muda um pouco.

Escolher muito bem o nicho de atuação, criar produtos atraentes e gerar tráfego no seu site são as principais preocupações. Contudo, é preciso pensar também nas estratégias de promoção do infoproduto e em parcerias com afiliados para bombar suas vendas. Fique por dentro de algumas dicas para dar início a seu negócio com tranquilidade e segurança.

Encontre um nicho para seu infoproduto.

Apesar de trabalhoso, produzir um infoproduto não é uma tarefa complexa. Afinal, você já tem a matéria-prima básica: o seu próprio conhecimento. Encontre um nicho em que você seja expert.

Por exemplo, se você adora cozinhar e sempre recebe elogios de familiares e amigos quando prepara uma receita diferente, ou incrementa um prato já conhecido, está na hora de explorar esse talento gastronômico. Que tal produzir um infoproduto com dicas culinárias e suas próprias receitas? Separe as informações que você quer divulgar e faça uma pesquisa para identificar se há pessoas interessadas nelas.

Escolha o “pacote” certo.

A informação digital pode ser “empacotada” de diversas formas. Para escolher o melhor formato, não pense apenas naquele que é mais fácil de ser produzido por você, mas também no tipo de informação que você quer vender e para quem ela se direciona.

Quer ver alguns exemplos de formatos?

E-book: Ele é prático de ser produzido e distribuído. O seu formato mais comum é o PDF, reconhecido por diversas plataformas e com o layout similar a de um livro impresso. Muitas vezes, para produzi-lo basta apenas ter um editor de texto como o BrOffice, que é gratuito;

Audiobook: Trata-se de um livro narrado e depois salvo em formato mp3. No entanto, para que o material possua qualidade, você precisará ter um microfone potente e um local isolado de ruídos externos. Além, é claro, de um conteúdo muito bom. Se o seu público for usuário de iPods, smartphones e players de áudio, essa é a mídia mais indicada para o seu infoproduto;

Podcast: São gravações parecidas com programas de rádio. Elas dão mais trabalho para produzir, porém são perfeitos se a informação que você quer vender é baseada em entrevistas ou debates;

Vídeos: O conteúdo pode ser o simples registro de uma palestra ou ter o formato de uma videoaula, na qual você passa as informações em um ambiente preparado. O screencast, vídeos filmados a partir da tela do computador, são indicados para conteúdos voltados à tecnologia, software e sites.

Lembre-se que para ter sucesso, seu infoproduto precisa ajudar as pessoas a resolverem um problema ou passar algum conhecimento que elas desejam adquirir. Vale perguntar aos potenciais clientes se eles pagariam pelo produto que você quer comercializar.

Conte com uma boa plataforma.

Para profissionalizar seu negócio, tenha uma plataforma de e-commerce para vender seus produtos digitais. Ela facilita seu trabalho e oferece estrutura segura de armazenamento. Basta cadastrar seus infoprodutos, publicá-los no site e começar a vender.

A plataforma também deve proporcionar um sistema de entrega automatizado e confiável. Ela identifica o momento em que o cliente faz o pagamento e, em seguida, envia por e-mail os dados necessários para download do material. Esse sistema também é muito vantajoso para o consumidor pois ele não precisa pagar pelo frete e recebe o produto com mais rapidez.

Muitas plataformas também contam com afiliados, pessoas que ajudam os criadores de produtos digitais a divulgar seus infoprodutos na internet e ganham uma comissão por isso.

Ofereça uma “amostra grátis”.

Para instigar novos consumidores a adquirir seu infoproduto, mostre um pouquinho do que você produziu. Se você tem um blog de turismo e decidiu lançar um guia de viagens pela América do Sul em formato e-book, coloque à disposição gratuitamente o primeiro capítulo da publicação.

Ou se você partiu para o mercado de softwares – que também podem ser considerados infoprodutos – e desenvolveu um programa de mixagem de músicas, permita que os visitantes do seu site baixem uma versão mais simples para que eles conheçam todo o potencial da sua criação.

Já sabe quais informações você quer comercializar? Então comece agora a produzir infoprodutos e monte seu negócio!


Comentários

Comentários

Equipe iSET

Somos os maiores especialistas em e-commerce no Brasil! Quer começar sua loja virtual? Fale conosco.

Um comentário em “Dicas para vender online: Infoprodutos

  • 6 de abril de 2016 em 23:15
    Permalink

    Você também trabalha como afiliado?
    Então eu tenho um desafio para você.
    Clica em meu nome e saiba mais.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *