7 e-mails que você deve automatizar em seu e-commerce

O BLOG MAIS COMPLETO SOBRE E-COMMERCE DO BRASIL

7 e-mails que você deve automatizar em seu e-commerce

Com toda a evolução das redes sociais dos últimos anos, é fácil esquecer que o e-mail continua sendo um dos melhores canais para conseguir progredir com o seu negócio. E a pergunta é, porquê?

 

Porque as pessoas preferem receber e-mails de empresas, em vez de serem abordados através das redes sociais. Existem estudos que mostram que mais de 70% das pessoas preferem se comunicar através do e-mail em vez de por redes sociais, mensagens ou por telefonemas.

 

Antes de aderir a qualquer rede social as pessoas estão no e-mail, sendo por isso o canal com maior número de inscritos. O e-mail é um canal de mensagens flexível e praticamente universal, é simples, tem uma abordagem direta e continua a adaptar-se à constante evolução do mercado.

 

O e-mail marketing permite enviar mensagens longas e direcionadas para potenciais clientes, incluindo funcionalidades específicas que permitem enviar e-mails personalizados, segmentados e sequenciais. Quando se trata de garantir que as pessoas vejam o conteúdo certo no momento certo, o e-mail é o grande vencedor. Empresas que adotam esta estratégia de e-mail obtêm conversões de cerca de 77%.

 

E-mails automatizados e campanhas por e-mail devem ser o ponto central de todas as estratégias de marketing digital. Por isso, vamos analisar sete tipos de e-mails automatizados que você deve configurar e otimizar, para manter a audiência comprometida e aumentar o número de vendas.

1. E-mail de Boas-Vindas

Quando alguém se inscreve numa determinada lista ou faz uma compra num determinado site espera receber um e-mail de boas-vindas. O seu e-mail de boas-vindas é o seu primeiro contato com o novo cliente, por isso é importante criar uma mensagem atrativa de modo a criar um bom relacionamento com a sua audiência.

 

De um modo específico, a mensagem de boas-vindas pode determinar a probabilidade ou a frequência de abertura dos e-mails posteriores, por isso é importante fazê-lo. Não caia na armadilha de tentar vender logo na primeira mensagem, pois isso irá afastar as pessoas. O e-mail de boas-vindas é principalmente transacional, ou seja, para confirmar que o novo membro o escolheu realmente e que pode alcançá-lo através da caixa de entrada e, é também uma ótima oportunidade para criar padrões de engajamento.

 

Muitas empresas usam uma série de e-mails de boas-vindas, ou seja, enviam várias mensagens em vez de um único e-mail. O primeiro será por exemplo para agradecer por se terem inscrito, e poderá pedir para confirmar a inscrição através de um link e definir expectativas de modo aos e-mails seguintes estarem de acordo com o gosto do cliente.

 

Após isto, irão receber um segundo e-mail para agradecer novamente. Este e-mail pode ser uma oferta, uma visão geral da marca, links com conteúdo relevante ou um convite para entrar em contato com a marca. Isto irá criar familiaridade desde o início e aumenta a probabilidade de abertura de e-mails futuros.

 

Dicas para bons e-mails de boas-vindas:

 

– Ofereça um desconto ou teste gratuito como incentivo, isto pode aumentar conversões imediatas, aumentado a probabilidade de abertura dos próximos e-mails;

– Certifique-se que o e-mail é enviado imediatamente após a inscrição, pois é enquanto o potencial cliente ainda está interessado na sua marca;

– Inclua links para as suas redes sociais ou para o seu blog, de modo a construir familiaridade e envolvimento entre seus canais;

– Evite palavras que marque o e-mail como spam.

2. Lembrete de produtos adicionados ao carrinho

Praticamente todos nós já adicionamos produtos no carrinho de compras e depois, pelas mais variadas razões, o deixamos esquecido. Por isso, grande parte das empresas têm um lembrete de carrinho abandonado para manter a compra na cabeça do potencial cliente. Adicionar algo ao carrinho significa que alguém tinha interesse em comprar, por isso dar um suave empurrão pode ser o necessário para finalizar a compra.

 

Softwares de automatização de e-mail como o RD Station são ideais para garantir que as suas mensagens automáticas serão enviadas em tempos otimizados. Neste tipo de e-mail é importante mantê-los com um layout suave, com uma mensagem clara e um botão que chame para a ação.

 

Para aumentar as conversões de carrinhos abandonados você pode:

 

– Oferecer descontos para o produto na mensagem;

– Usar um assunto que desperte a curiosidade como “Esqueceu de alguma coisa?”;

– Deixe os compradores saberem que o estoque é baixo ou que o tempo que o produto ficará no carrinho de compras irá esgotar;

– Adicione uma revisão do carrinho de fácil identificação.

3. Acompanhamento de pós-venda

Acompanhar o cliente no pós-venda é uma estratégia contínua e, permite mostrar ao cliente que você se preocupa com a satisfação dele mesmo após o pagamento. No mundo digital esta é uma ótima forma de continuar relevante e de aumentar as avaliações positivas, que é uma ferramenta de venda essencial!

 

Um e-mail de pós-venda deve focar em inspirar os compradores e pedir uma avaliação sobre os produtos mais recentes. O design também é muito importante, deve estar de acordo com o estilo do site e ter uma mensagem agradável. Este tipo de e-mail deve incluir os seguintes elementos:

 

– Pedir uma avaliação de forma simplificada;

– Na parte inferior do e-mail exiba alguns produtos semelhantes aos adquiridos ou que podem ser utilizados com os produtos já adquiridos;

– Agradeça mais uma vez pela compra;

– Inclua informações como cuidados a ter, como utilizar ou um FAQ do produto.

4. Pedidos de re-engajamento

Todas as empresas têm nas suas listas de e-mails membros que não compraram, não visitaram o seu site, nem abrem os seus e-mails há meses. No entanto, a esperança não está perdida! Estas pessoas ainda estão familiarizadas com a sua marca, por isso são uma melhor audiência do que pessoas estranhas à marca. A única coisa que você precisa fazer é engajá-los novamente para voltar a tê-los no seu site.

 

As mensagens automatizadas de re-engajamento frequente apresentam ofertas que são exibidas no assunto. Se é um produto gratuito, um desconto ou uma forma de ganhar alguma coisa, você deve apresentar um incentivo notável. No entanto, pode procurar por uma abordagem mais direcionada para o relacionamento, utilizando frases como “Sentimos a sua falta!” de modo a lembrar que já não interagem a algum tempo.

 

Dicas para re-engajamento efetivo:

 

– Utilizar incentivos fáceis de obter, como por exemplo: “Volte, e ganhará um desconto de 10% na próxima compra!” Podem ser motivadores importantes;

– Faça múltiplas ofertas de modo a perceber como as pessoas respondem melhor;

– Envie ofertas de re-engajamento com base no histórico de compras.

5. Ofertas UpSell

Obter clientes enviando ofertas upsell é uma ótima forma de aumentar a receita e estabelecer padrões poderosos de compras. Automatizar e utilizar disparadores para informar sobre o conteúdo ajuda a aumentar a relevância da sua oferta. A ideia é levar as pessoas a gastar mais oferecendo produtos gratuitos colocando o valor do frete já com algum “lucro”. Ou seja, colocar um produto que você compra a R$10,00 com custo zero e depois colocar o valor do frete a, por exemplo, R$20,00.

 

Este tipo de oferta é fácil de implementar, existem aplicações de automação de e-mail que lhe permitem segmentar facilmente diferentes tipos de público. Pode utilizar lista segmentadas do histórico de compras ou de visitas ao site para enviar mensagens específicas para diferentes tipos de compradores. Quanto mais personalizado melhor!

 

Para aumentar o número de vendas você pode:

 

– Caracterizar vários produtos que complementam compras passadas dos clientes e anunciar o produto como um “conjunto”;

– Fazer um showcase de alguns produtos;

– Mostrar produtos dentro de um intervalo de preços apropriado. Se um cliente comprou um produto de R$20,00 com certeza não é viável apresentar produtos de R$200,00.

6. Conteúdo Educacional

O conteúdo educacional oferece valor aos seus clientes ao mesmo tempo que constrói um relacionamento, ajuda a criar a sensação de que está investindo no seu sucesso, prazer, e que não está apenas tentando ganhar dinheiro.

 

Este tipo de conteúdo, centrado na sua marca, ajuda a capacitar os seus clientes para tirar o máximo proveito das suas compras. Ideias de como utilizar um produto, práticas de manutenção recomendadas ou até mesmo informações menos chamativas como as histórias de origem, podem causar uma impressão positiva.

 

Este tipo de e-mail pode ser enviado com base nos interesses do cliente e histórico de compras, ou seja, pode enviar mensagens relevantes que se aplicam diretamente a eles. Em algumas situações estes e-mails podem ser uma ferramenta de retenção de clientes altamente eficaz. Um marketing educacional pode sobretudo centrar-se na antecipação de futuros lançamentos de produtos.

 

Para maximizar os resultados você deve:

 

– Enviar e-mails que forneçam aos clientes informações sobre produtos novos;

– Valorizar mais o conteúdo em vez de tentar apenas vender, embora possa também apresentar alguns produtos relevantes;

– Usar diferentes mensagens educacionais sequenciais de modo a conectar-se com os inscritos em todas as etapas do ciclo de compra.

7. Atualizações e informações relevantes

As razões mais comuns pelas quais alguém se inscreve numa lista de e-mail de uma loja é para receber notícias sobre promoções ou vendas e atualizações de novos produtos. Ou seja, as pessoas procuram informações relevantes! Se receberem muitas mensagens que não correspondam aos seus interesses deixam de abrir os seus e-mails ou cancelam a inscrição. Portanto use listas segmentadas para enviar apenas e-mails com mensagens interessantes.

 

Além da segmentação, as melhores formas de enviar atualizações e anúncios significativos para os seus clientes incluem:

 

– Usar frases como “Novidades!” ou “Vendas relâmpago” no assunto para chamar a atenção das pessoas;

– Deixar os clientes saberem que o conteúdo será do seu agrado logo que o e-mail for aberto;

– Incluir um botão de redirecionamento dizendo “Saiba Mais” ou “Compre Agora”, num local visível para aumentar a taxa de cliques.

Conclusões

Utilizar e-mails automatizados pode poupar-lhe muito trabalho e, ao utilizá-los com listas de e-mail segmentadas, você poderá garantir que mensagens altamente direcionadas sejam enviadas a potenciais clientes, melhorando os resultados.Se enviar ofertas para aumentar o valor de compra, os e-mails automatizados podem gerar conversões importantes que, de outra forma poderiam ser deixadas para trás.

 

Esse conteúdo foi escrito por Rui Sousa, colaborador do Canal Digital, blog focado em marketing digital, com diversas dicas de técnicas e estratégias para ajudar seu negócio.

 


Comentários

Comentários